FAQ

As inscrições do Prêmio Inovação em Seguros estão abertas a colaboradores de empresas de seguros, previdência privada, saúde suplementar, capitalização, resseguros, corretoras e corretores de seguros e resseguros autônomos e prestadores de serviços ao setor.

Não. Os projetos podem ser voltados para qualquer tema, desde que estejam classificados em uma das categorias (Comunicação, Produtos e Serviços e Processo).

Sim, desde que não seja na mesma categoria. Cada autor poderá inscrever apenas 1 (um) projeto em cada categoria.

Projetos inscritos nas edições anteriores somente poderão concorrer novamente a partir de 2 (dois) anos após sua última participação. Ou seja, na edição 2017 poderão se inscrever projetos inscritos até a edição 2015.

Para participar, autores dos trabalhos inscritos deverão comprovar anuência da participação pelo executivo da empresa com a qual mantém vínculo empregatício. A exigência não se aplica aos corretores autônomos. As regras podem ser consultadas, na íntegra, no Regulamento.

São 3 (três) categorias: Produtos e Serviços, Comunicação e Processos e Tecnologias.

O período de inscrição e envio dos projetos será de 27 de abril a 29 de setembro de 2017.

A inscrição deverá ser feita no hotsite do Prêmio (www.premioseguro.com.br), por meio do preenchimento da ficha de inscrição e do envio dos documentos especificados no Regulamento.

A inscrição é gratuita.

A inscrição deverá ser realizada por meio do formulário online disponível na página Inscrição até o dia 29 de setembro de 2017.

Não. Todo o processo de inscrição será online. O autor receberá uma confirmação por e-mail.

Não. Todo o processo de entrega de documentos deverá ser feito de forma digital, conforme instruções constantes do regulamento.

O projeto deverá ser enviado no momento da inscrição.

Os projetos encaminhados sem documentação ou com documentação incompleta e/ou que não apresentem a estrutura de conteúdo estabelecida no Regulamento serão desabilitados.

O projeto perderá a oportunidade de ser avaliado corretamente e de competir com o mesmo grau de igualdade. Certifique-se, antes de se inscrever, de que o tema se enquadra devidamente na categoria escolhida.

A Comissão Julgadora é composta profissionais representantes das áreas acadêmica, de seguros, de inovação e da imprensa.

A avaliação será feita em 2 (duas) etapas, sendo a primeira de análise individual dos projetos pelos integrantes da Comissão Julgadora e a segunda de defesa presencial dos trabalhos finalistas, também à Comissão Julgadora, de acordo com a categoria em que foram inscritos.

Os 15 (quinze) finalistas do Prêmio Antonio Carlos de Almeida Braga de Inovação em Seguros 2017, sendo 5 (cinco) de cada categoria, serão divulgados no dia 17 de novembro.

Os vencedores serão conhecidos em 14 de dezembro de 2017, durante o almoço de confraternização do mercado segurador, em local a ser divulgado. As datas de todas as etapas da premiação estão disponíveis no item Cronograma.

O autor do projeto vencedor em cada uma das categorias receberá 1 (um) troféu do Prêmio Antonio Carlos de Almeida Braga de Inovação em Seguros e premiação em dinheiro no valor de R$ 30.000,00 (trinta mil reais).

O segundo lugar de cada uma das categorias receberá 1 (um) troféu do Prêmio Antonio Carlos de Almeida Braga de Inovação em Seguros e premiação em dinheiro no valor de R$ 15.000,00 (quinze mil reais).

O terceiro lugar de cada uma das categorias receberá 1 (um) troféu do Prêmio Antonio Carlos de Almeida Braga de Inovação em Seguros e premiação em dinheiro no valor de R$ 10.000,00 (dez mil reais).

O pagamento será realizado em nome do autor do projeto, visto que o Prêmio Antonio Carlos de Almeida Braga de Inovação em Seguros é voltado para os colaboradores do mercado de seguros.

Sim. Após a divulgação do resultado final, os autores dos projetos concorrentes poderão solicitar à Gerência Executiva do Prêmio informações sobre as notas atribuídas ao seu trabalho.